As práticas sustentáveis têm sido cada vez mais, além de importantes, essenciais. A necessidade da mudança começar dentro de casa fez com que muitas pessoas repensassem seus hábitos.  A partir disso, a primeira regra é entender a importância da transformação sustentável. Enquanto sociedade, é preciso desenvolver conceitos coletivos e que trazem benefícios para todos.

Em 2015, numa reunião de 193 países em Nova Iorque, a ONU firmou um plano de ação global chamado Agenda 2030. Esse documento traz os 17 ODS (Objetivos para Desenvolvimento Sustentável), onde um dos objetivos é fazer com que cidades e comunidades tornem-se sustentáveis. 

Pensando nisso, apresentamos 10 ideias para facilitar o processo para viver em um ambiente ecologicamente favorável.


1- Reduzir o consumo de água e energia.
Essa economia é básica e possível com banhos rápidos, aproveitamento da iluminação natural, reutilização da água da máquina de lavar, etc.

2- Diminuir o consumo de descartáveis.
Utilize o mínimo possível de pratos, copos, talheres, embalagens, sacolas e garrafas plásticas. Se o consumo for inevitável, opte pelos produtos biodegradáveis.

3- Reaproveite!
Objetos descartáveis podem ser reaproveitados de diversas formas dentro de casa. Pesquise na internet possibilidades de reuso de embalagens.

4- Se possível, invista tempo em uma horta.
As pequenas hortas cabem em qualquer espaço e é uma forma de evitar o consumo de produtos com agrotóxicos.

5- Tenha sempre uma planta em casa.
Plantas purificam o ar e deixam o ambiente mais fresco, pois liberam oxigênio e consomem gás carbônico na fotossíntese.

6- Lâmpadas LED nos ambientes.
Já é hora de abrir mão das lâmpadas comuns e usar a opção de LED, que tem o menor consumo de energia do mercado. 

7- Aproveite a energia solar.
Se painéis solares estão fora da realidade de muita gente, a ideia é aproveitar a luz do sol o máximo possível. Além disso, lâmpadas solares para áreas externas, como jardins e corredores, ajudam na economia.

8- Se possível, use sensores de presença.
É um investimento que compensa, ainda mais para quem mora em casas grandes. 

9- Faça compostagem.
O lixo orgânico não pode ser reciclado, mas pode servir de adubo para hortas, plantas e jardins. Pesquise na internet vídeos sobre o assunto.

10- RECICLAR!
Essa é a palavra de ordem. Recicle o lixo e separe vidros, plásticos, papéis e outros itens. Empresas de coleta seletiva e catadores agradecem. Informe-se em sua região e verifique como é feito o descarte consciente.

 

Fonte: ONU

agenda2030.com.br

ONU Brasil